Dá murro a tubarão para escapar a ataque

800

Um médico britânico surfava na costa norte de Sydney, na Austrália, na segunda-feira, quando um tubarão “saltou e atingiu-o no ombro direito”. Segundo a polícia australiana, em comunicado, o jovem, de 25 anos, surfava com três amigos quando tudo aconteceu. Em declarações à cadeia australiana 9News, Charlie Fry contou que conseguiu sobreviver ao ataque ao dar um murro na cara do tubarão antes de subir para a prancha e surfar até à praia.

Sugerimos a nova página O Homem Invisível

Vi o tubarão a sair da água, a levantar a cabeça e dei-lhe um murro na cara com a minha mão esquerda. Quando aconteceu só consegui pensar: “fiz o que o Mick [Fanning] fez, esmurrei-o no nariz”, afirmou, confessando que se inspirou no famoso surfista que deu um murro num tubarão durante uma competição em 2015.

Sugerimos a nova página O Homem Invisível

De acordo com o comunicado da polícia, o tubarão teria cerca de dois metros e o britânico, que trabalha na Austrália há dois meses, sofreu apenas ferimentos ligeiros, tendo sido assistido no hospital. Apesar de ter sobrevivido, Charlie Fry admite que tudo se deveu à sorte.

Sugerimos a nova página O Homem Invisível

Ele podia ter-me comido a mão facilmente. Considero-me um sortudo”, afirmou o médico, acrescentando que deverá voltar a surfar “em breve”. A praia Avoca, onde o ataque aconteceu, esteve encerrada durante o dia enquanto nadadores-salvadores e uma equipa de resgate com um helicóptero tentavam localizar o tubarão. O animal, com três metros, foi localizado perto da entrada da lagoa de Avoca.

Comentar

Comentários