Depois de fazer sexo durante quatro anos, mulher continua virgem

bed-1822497_1920

Um homem de 26 anos e a companheira, de 24, estavam a tentar ser pais há cerca de quatro anos, sem sucesso, quando decidiram ir ao médico. Na visita ao hospital, em Bijie, na China, o casal chinês descobriu que a mulher ainda era virgem, uma vez que tinham passado esses quatro anos a fazer sexo anal.

Depois de vários exames médicos de fertilidade, os médicos acabaram por constatar que o problema era a forma como o casal tinha sexo, sendo que a mulher continuava virgem. O obstetra ofereceu ao casal livros de educação sexual e indicou-lhe algumas orientações para solucionar o problema que enfrentavam. O casal anunciou a gravidez poucos meses depois da consulta médica, segundo conta o DailyMail.

De acordo com o mesmo jornal, a jovem confessou que faziam sexo regularmente e que a experiência era sempre muito dolorosa para ela, tendo sempre aguentado na esperança de engravidar. Sabe-se ainda que depois de conceberem o primeiro bebé, o casal enviou cerca de 100 ovos e uma galinha para o hospital que os ajudou neste processo.

“Ao fim de quatro anos de casamento nem o marido nem a mulher sabiam como engravidar”, avançou o médico em entrevista. O profissional de saúde garante ainda que naquela localidade é comum que as pessoas tenham poucos conhecimentos e que a educação sexual é muito rara.

 

Comentar

Comentários