George Clooney ofereceu um milhão de dólares a cada amigo

george-clooney

O ator chamou os 14 “rapazes” do seu grupo e decidiu “retribuir” a ajuda que eles lhe deram quando chegou a Los Angeles. O dinheiro estava livre de impostos: Clooney também pagou as taxas

A oferta foi realizada em 2013, mas só agora é que se tornou pública. Foi Rande Gerber, marido de Cindy Crawford, que revelou o episódio durante uma entrevista no programa de telvisão Headliners.

George Clooney ligou aos 14 amigos que fazem parte do grupo a quem o ator chama “The Boys” e passou a misteriosa mensagem: “Hey, 27 de setembro, marquem essa data no calendário. Vão todos a minha casa jantar”.

Segundo Gerber, citado pelo E! News, os rapazes não faltaram ao encontro e quando chegaram encontraram uma mala preta em cada um dos lugares marcados à mesa.

Sugerimos a nova página O Homem Invisível

 

“Ouçam, eu quero que vocês saibam o quanto significam para mim. Vim para Los Angeles e dormi nos vossos sofás. Sou afortunado por vos ter na minha vida. Por isso, é importante que eu retribua enquanto cá estamos todos. Por favor, abram as vossas malas”, discursou Clooney.

Dentro de cada uma das malas estava 1 milhão de dólares em notas de 20 (cerca de 850 mil euros), livres de impostos, porque o ator também já os tinha pago, para que os amigos ficassem com a totalidade do dinheiro.

Depois da dádiva, o ator lembrou que muitos dos que ali estavam tinham passado ou estavam a passar por dificuldades nas suas vidas. “Não têm de se preocupar com os vossos filhos e com os estudos deles, nem com hipotecas”, disse Clooney.

O marido de Cindy Crawford lembrou que, na altura, um dos amigos do grupo estava a trabalhar no bar de um aeroporto para tentar sustentar a família, e um outro ia para o trabalho de bicicleta, e que tinham sido pessoas que ajudaram Clooney no início da sua carreira.

Gerber não quis aceitar o dinheiro, uma vez que ele mesmo tem vários milhões na conta, mas, segundo o próprio, George Clooney fez-lhe um ultimato à frente de todos os outros: “Se o Rande não aceita o milhão dele, ninguém mais aceita”.

Gerber acabou por aceitar a doação e destinou a verba a caridade. Durante a entrevista, recordou ainda que a data devia ser especial para Clooney: um ano depois o ator casaria com Amal, a 27 de setembro de 2014.

Comentar

Comentários