Modelo tem de amputar a segunda perna

lauren-wasser-1-800

A modelo norte-americana Lauren Wasser, que há cinco anos perdeu uma perna devido a uma condição chamada Síndrome do Choque Tóxico (SCT), terá de amputar a outra perna também, disse a modelo ao jornal Washington Post.

Sugerimos a nova página O Homem Invisível

Wasser sofreu a primeira amputação quando tinha 24 anos, por causa de uma síndrome muito pouco frequente, mas grave e que pode mesmo ser mortal, causada por toxinas produzidas pela bactéria Straphylococcus aureus. Uma parte significativa dos casos de SCT, como o dela, está associada ao uso de tampões e Wasser tem dedicado os últimos anos a alertar para esse risco.

Sugerimos a nova página O Homem Invisível

Há cinco anos, a modelo esteve em risco de vida, tendo sofrido um ataque cardíaco e passado vários dias em coma induzido. Perdeu a perna direita devido a complicações da síndrome e alguns dedos do pé esquerdo. Segundo disse ao Post, passados cinco anos ainda tem “dores excruciantes” todos os dias e está a preparar-se para amputar a perna esquerda nos próximos meses.

Comentar

Comentários